Ele e o Outro

Promo
10%

Ele e o Outro

Ele e o Outro conta a história de Friedrich Klein, um escriturário de meia-idade que desvia dinheiro ao patrão e foge para Itália. No entanto, Klein não é um criminoso comum, mas um burguês auto-alienado e atormentado, que apenas procura paz e realização pessoal.
Enquanto reflete sobre o seu destino, Klein reconhece que a sua principal motivação foi a compulsão e o desejo de matar a mulher e os filhos, e que tal só poderá ser evitado se abandonar totalmente a sua antiga vida. Esta viagem sombria está associada ao nome de Wagner, o famoso compositor, e igualmente a um professor alemão que, em 1913, assassinou a mulher e os filhos.
Apesar da sua fuga, Klein não consegue ultrapassar a sua dor. Em vez de se sentir liberto, sente-se uma vítima dos seus próprios pensamentos e vê o seu cérebro como um caleidoscópio no qual as diversas imagens que rodam são orientadas pela mão de outra pessoa.
Ao longo da história, Klein pondera várias vezes suicidar-se. Quando se encontra já em situação de desespero, conhece Teresina, uma jovem loura por quem se sente atraído, ainda que tenha sentimentos ambivalentes. Para Klein, algo em Teresina simboliza a vitalidade mas também uma ligação com o eterno feminino. Mas quando Teresina o questiona sobre o seu passado, ele recusa dar uma resposta clara e direta.
Ler mais

Os ebooks e audiobooks mais populares disponíveis na subscrição Kobo+e_Leya.

€ 11,25
PVP   € 12,50
Poupe € 1,25 (10%) Comprar

Disponibilidade / Pré-lançamento
Prazo de Entrega / 4 dias úteis a partir de 2022-01-25
Novidade / -10% Promoção válida de 2022-01-07 a 2022-04-25
Ano de Edição / Impressão / 2022
Número Páginas / 112

Dimensões / 234 x 09 x 156 mm
ISBN / 9789722073387
Editora / DOM QUIXOTE
Promoções Ativas: Pré-lançamentos Novidades
Autor
Hermann Hesse nasceu a 2 de julho de 1877, em Calw, na Alemanha, e morreu a 9 de agosto de 1962, em Montagnola, na Suíça. Distinguido, em 1946, com o Nobel da Literatura, tornou-se uma verdadeira figura de culto, uma referência universal ancorada na exaltação que faz do indivíduo e na celebração de um certo misticismo oriental.
Peter Camenzind, o seu primeiro romance, data de 1904. Uma visita à Índia fê-lo descobrir uma cultura e modos de sentir que o fascinaram: Siddhartha (1922) foi o resultado prático dessa experiência, sendo o seu livro mais lido em todo o mundo. Durante a Primeira Guerra Mundial, refugiou-se na Suíça, país neutro, onde adquiriu a nacionalidade em 1923. Entre os seus romances, incluem-se O Lobo das Estepes (1927), Narciso e Goldmundo (1930) e O Jogo das Contas de Vidro (1943).