O Paradoxo do Cérebro - Memória, Autismo

O Paradoxo do Cérebro - Memória, Autismo

«A memória não é um simples registo de tudo o que vivemos. Ao contrário do que gostamos de pensar, a nossa memória é limitada e não conseguiria guardar toda a informação. A sua função é ir atualizando o registo. O seu trabalho é uma reescrita constante da nossa história, que assim se vai modificando com o tempo, tal como o nosso corpo vai mudando e o mundo à nossa volta se vai alterando. A maravilha da memória, a maravilha do funcionamento do cérebro, é, paradoxalmente, fruto das suas limitações. Este livro, feito a partir da experiência clínica, é sobre a memória. Não sobre as falhas de memória que vemos no envelhecimento e nas doenças degenerativas, mas sobre o que acontece quando as memórias não se conseguem modificar. O autismo surge como um exemplo maior dessa dificuldade em esquecer: quando o cérebro não consegue atualizar os seus registos, tudo à volta tem de ficar igual. O autismo é por isso uma doença da memória, consequência de um passado que resiste a ser reescrito.» Pedro Cabral «O que aconteceria se conseguíssemos registar na memória as experiências, os factos e os acontecimentos de forma indelével sem qualquer hipótese de desvio ou reinterpretação? Teria alguma vantagem? Tornar-nos-ia diferentes? Neste livro, o neurologista Pedro Cabral percorre o caminho das memórias imutáveis, através das histórias de crianças e jovens que acompanhou e que nos apresenta com grande sensibilidade. Com ele vamos desvendando as contradições e a aparente imperfeição que caracterizam a natureza da cognição humana.» Isabel Pavão Martins, neurologista, Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa
Ler mais

Os ebooks e audiobooks mais populares disponíveis na subscrição Kobo+e_Leya.

€ 18,80

EXCLUSIVO LEYA EXPRESS

Valide aqui o seu código postal

-
OK
Ano de Edição / Impressão / 2021
Número Páginas / 432

Dimensões / 230 x 25 x 150 mm
ISBN / 9789896446802
Editora / TEMAS E DEBATES